sábado, 24 de janeiro de 2009

Bela colheita


Amei uma frase que recebi de um amigo, falando que "contigo o difícil sai logo, o impossível demora um pouco! ". Sinto - me assim mesmo, ultimamente: um poço de energia, de pura intuição, de calor radiante. Tenho corrido atrás das coisas que me encantam e, de alma aberta, elas tem vindo. Tenho corrido atrás de desejos fadados ao esquecimento em alguma gaveta antiga, e os acho lá, a espera do melhor momento de sair. Talvez não alcance todos , talvez não realize tudo e nem da forma perfeita, sonhada, mas tem vindo, e os tenho recebido de braços abertos.
Minha colheita, enfim, tem sido feita. Uma colheita caseira, íntima, só minha, e que tem vindo mais cheirosa e deliciosa que nunca. E tem perfumado todo o meu ser, por dentro e por fora.
E , espero, a quem anda ao meu redor...

5 comentários:

  1. Perfumas, sempre, nossas vidas, mesmo que "só" atraves de tuas palavras.

    ResponderExcluir
  2. Modesta, como sempre.. És um oceano de energia, dessas que contagia a gente mesmo a distancia. Feliz, sim, quem está ao teu lado, sempre, para sentir tua energia e teu perfume...Bjs

    ResponderExcluir
  3. Poço de energia, calor radiante, que sinto nas tuas palavras, no teu jeito, em tu inteira. saudades...

    ResponderExcluir
  4. Estive fora, de novo, e sem acesso a ti.Fizestes falta - mas não em minha mente, que te sonha sempre.De volta estou e a espera de ter, todos os dias, um pouco de ti em minha vida, nem que simples palavras...

    ResponderExcluir
  5. mas gozo da felicidade de te ver mais linda e luminosa que nunca!

    ResponderExcluir