quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Efeito docinho

A cada dia mais chego a conclusão que felicidade vem, sim, em pequenas doses, feito um doce em dia de dieta! Pode ser um telefonema, uma conversa perdida no meio da rua, um recadinho pelo msn, o re-encontro com um grande amigo - ou com um grande amor. Feito dose homeopática, nos mantém vivos, felizes, nutridos de um amor maior, de um sentimento de estarmos vivos. Pode alegrar por um momento, umas horas, dias, meses. Não importa. O que importa é estarem lá, de sobreaviso cada vez que nos sentirmos para baixo, menores. E nos sermos "servidos" logo que a situação pedir, que nos olhos começarem a perder o brilho. E estão, sempre. Basta estarmos abertos, atentos. Eu estou...

2 comentários:

  1. Espero que tenhas muitos "docinhos" pela vida. Aliás, tortas inteiras de felicidade, porque é o que mereces, já que te tornas nosso docinho diário, aqui e na vida!

    ResponderExcluir
  2. Menina, já conheço teu lado poesia faz tempo, mas voce esta cada vez melhor - se é que isso é possível!Teu lado menina virou lado mulher, mas ainda guardas o frescor nas palavras e no brilho dos olhos...

    ResponderExcluir