sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Cafezinho

São Paulo me recebe bem. Quando se arranja tempo para fazer amigos, lá vem a boa recepção e bom o cafezinho. Bem coisa de paulista. Combina com as casas de velhos tempos, cheias de valores na parede e delicados tapetes. Combina com as conversas bem estruturadas
e a simpatia dos sorrisos.
Sinto nela o cheiro doce do bem estar.
Falam de uma São Paulo que não para. Essa está lá fora. Aqui dentro, quando para, recebe em sorrisos e atenções. Uma São Paulo hospitaleira, uma São Paulo caseira que adoro.
Que me faz sentir em casa, tão em casa que pretendo voltar.
E quem sabe um dia ficar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário