quinta-feira, 3 de março de 2011

Rosa choque



Louca, eu. Doida de pedra. Rio de minhas ideias estapafurdias, ainda bem. Senão, estaria fadada, eu mesma, a me internar em uma clínica, ontem chamados hospícios.
Diz a lenda - ou conto, ou estorinha para fazer boi dormir ( de onde saiu isso?), que devemos beijar o sapo para fazê-lo príncipe. O que é, no mínimo, nojento. Eu diria que hoje queremos ir além, muito além. E cada dia mais longe dos sapos - que têm lá seu valor, mas não nos servem.
Deixando os bichinhos simpáticos de lado - ou no brejo , de onde nunca deveriam sair para não virar couro seco no asfalto - preferimos beijar o príncipe para ver se vira homem. São todos príncipes enquanto idealizados pela atração. Cada mulher faz em sua mente sua imagem ideal. Mas, cá entre nós,e salvo alguns raros casos em filmes de época, os príncipes passam uma ideia de coisa afetada, certinha, distante e, digamos, não muito masculina. Educados demais, delicados demais, compreensivos demais, perfeitos demais! Tudo demais! Eu - e acho que todas as mulheres com uma pontinha que seja do pezinho bem fincadinho no chão - prefiro homem. E nem precisa ser com 'H" maiúsculo, o que lhe daria uma imponência, superioridade desnecessária, o que a maioria já tem - ou acha que tem - de sobra.
Quero um homem comum , mas não igual, nem mais um. Um que me faça ser como sou e me faça ver isso em mim. Que tire de mim meu melhor - ou pegue emprestado, e devolva, melhor dizer. Herói tão somente da vida dele, o que já um crédito e tanto. Que tenha medos e receios, mas também se entregue. Que veja os meus medos e receios e me ajude a tirá-los de mim - ou quem sabe entendê-los. Que faça o que gosta, que se dedique a algo contrutivo, mas que nisso inclua viver - melhor ainda se comigo. Que mate baratas, sim, mas também nos ouça. Que pague suas contas, sim, mas não fique de 'pãodurice'. Que nos abrace na rua muito mais que por mera possessão. Que nos dê a mão também na vida , mas de forma querida. Que nos abra portas, muito mais que do carro. Que nos exiba, mas muito mais que como um troféu. Que sinta ciúme feito tempero, pimenta, e na medida certa que dê para saborear. Que nos cuide como mulher e às vezes, só às vezes, como criança. Que aceite nosso amar sem se sentir nem poderoso e nem desconfiado. E que veja em nosso olhos o quanto são amados.
Como vocês vêem, mulher não quer um príncipe montado em um cavalo branco. Nem um sapo. Nem um ogro. Quer alguém que ande ao seu lado, nem na frente e nem atrás. Nem acima, nem abaixo. Homens de carne e osso, coração batendo no peito. E atentos. Menos que isso nem vale a pena puxar papo...

Rita Lee já dizia: "Mulher é um bicho esquisito...todo mês sangra"

Nas duas faces de Eva
A bela e a fera
Um certo sorriso
De quem nada quer...

Sexo frágil
Não foge à luta
E nem só de cama
Vive a mulher...

Por isso não provoque
É Cor de Rosa Choque
Não provoque!
É Cor de Rosa Choque
Por isso não provoque
É Cor de Rosa Choque...
Mulher é bicho esquisito
Todo o mês sangra
Um sexto sentido
Maior que a razão

Gata borralheira
Você é princesa
Dondoca é uma espécie
Em extinção...
Por isso não provoque
É Cor de Rosa Choque

Cor de Rosa Choque, de  Rita Lee  e Roberto de Carvalho

12 comentários:

  1. Quem dera ser esse homem!
    Ôh, mulher "tudo de bom"!

    ResponderExcluir
  2. Ah, meu amigo anônimo, pega senha!!!
    Essa mulher é poderosa mesmo! Texto FANTÁSTICO, iluminador, engraçado na medida que nos mostra como estamos aquém de nossas possibilidades, seres rastejantes nesse mundo machista!
    Ei, amigo anônimo,ela já achou ,senão o texto não vinha tão bárbaro! Se quer merecer uma simples atenção, faça por merecer! Seja homem!
    Joyce, minha musa, beijos da Mia

    ResponderExcluir
  3. Mia, devagar no andor rssssssssss
    Não sou isso tudo, sou apenas mulher.E sem essa de senha. Isso degrada a mulher, mesmo de brincadeira.
    E como mulher, quero um homem ao meu lado. De preferência um só para o resto da vida. De sapo, príncipe e ogro, o mundo tá é cheio...
    Beijos, querida! Volte sempre, a casa é tua!

    ResponderExcluir
  4. "um homem que nos abra portas... não só as do carro", mas, que seja alguém disposto a caminhaR ao lado e ambos se permitindo abrir novas portas das descobertas e experiências... valeu! muito lindo!!!

    ResponderExcluir
  5. Pegastes o espírito da coisa, Sandra!
    Grata pelo carinho!

    ResponderExcluir
  6. "Menos que isso nem vale a pena puxar papo..." kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Amigas, vc está cada dia melhor!
    Coitada da homarada, sem vez contigo rsssssssssss
    Sim porque, convenhamos: se achar um já ta de bom tamanho!
    Su

    ResponderExcluir
  7. Joyce, querida, amei o recado...
    E cadê o "homem para a vida toda"? Sumiu de novo? Vai que alguém rouba a noiva...
    Mia, sempre mia

    ResponderExcluir
  8. Comentários excelentes, claro! Obrigado gurias!!! Eternamente grato!! Mia: fica tranquila, já te disse...ninguém rouba essa noiva, a não ser o meu coração!! E prá ti, Senhora do Lago, muitos besos y besos!!!

    Paco

    ResponderExcluir
  9. E não sumo não....fico só observando o sucesso dessa mulher...e feliz...

    Paco

    ResponderExcluir
  10. ...ora...ora...é o mínimo...

    Paco

    ResponderExcluir